segunda-feira, 1 de abril de 2013

Links Patrocinados (PPC) – 5 Perguntas Que Você Deve Fazer Para Escolher Um Prestador desse Serviço...


1- Há quanto tempo você(s) trabalham com gerência de campanhas de links patrocinados (PPC)?

Certamente o ideal é contratar quem tenha experiência, mas isso, além de impactar no custo do serviço, excluiria os iniciantes. Se for o caso de contratar pessoas sem experiência, tente fazer um período de testes antes de um contrato mais longo. Há bons profissionais sem maiores experiências, esperando uma oportunidade. Outro fato é que mesmo empresas experientes contratam funcionários inexperientes, assim, uma aposta pode funcionar. Seu feeling fará a diferença nessa escolha.

2- Quem será o responsável pela campanha?

Como falei no item anterior, empresas experientes podem usar mão de obra inexperiente. Assim, confirme quem será o responsável e este tem que ter experiência e se responsabilizar pelos resultados. Aqui você pode considerar exigir um profissional certificado ou experiente, para fins de responsabilização.

3- Que tipos de relatórios eu vou receber?

Informe-se de que tipos de métrica você receberá por demanda ou acessará em tempo real. Confirme se terá acesso direto aos relatórios da própria campanha ou qual será a periodicidade dos relatórios, se diária, semanal ou mensal. Garanta o máximo de transparência para não ter surpresas e poder fazer correções de rota com rapidez.

4- Como vocês medem o sucesso do trabalho?

A definição do que é sucesso tem de vir do contratante e não do prestador. Pergunte que métricas os prestadores consideram importantes para determinar o sucesso (ou fracasso) do trabalho. As partes devem determinar os objetivos do trabalho e esses objetivos devem poder ser ajustados ao longo do caminho. Cabe ao contratante analisar o retorno do investimento (ROI) do trabalho, mas cabe às duas partes determinar objetivos razoáveis e atingíveis. O contratante deve tentar puxar ao máximo a expectativa de sucesso, ao passo que o prestador deve manter essa expectativa dentro de um patamar realista.

5- Terminada a relação de negócios, quem fica com as contas?

A pior coisa que pode acontecer é contratar empresas ou prestadores que montam e administram as contas de links patrocinados e, terminado o contrato, não repassam essas contas ao contratante. Vamos combinar que isso é absurdo. É claro que o prestador também tem que se resguardar, pois não quer que o contratante espere que ele monte as contas para então dispensá-lo, mas contratos têm que ser bons para os dois lados. Esse tipo de trabalho é muito dinâmico e a simples montagem inicial da conta e escolha de palavras-chave e anúncios não garantem sucesso. Há que se fazer testes, mudanças, experimentar novos termos, palavras-negativas, enfim, o trabalho não acaba. Assim, nem o contratante pode querer um serviço de montagem de conta gratuito, nem o prestador deve punir o contratante que decidir partir para outro serviço. O justo é estabelecer um tempo mínimo de contrato e, passado esse período, as partes decidirão se a parceria continua. Independente dessa decisão, as contas deverão ser entregues ao contratante.


"O investimento em links patrocinados é muito importante no processo de busca de tráfego para seu site, mas pode também ser um escoadouro de dinheiro."


Nenhum comentário:

Postar um comentário