terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Mundo Corporativo: Líder

Achei muito interessante esta crônica e poderia ter sido escrita por mim...

Ainda no mundo corporativo, outro assunto que rende boa discussão é a liderança, seja por sua ausência nas organizações ou pela escolha inadequada dos líderes.

Quem nunca viveu a situação de “faça o que eu digo, mas não o que eu faço” atire a primeira pedra...via de regra as lideranças são escolhidas pelos mesmos rigorosos critérios que fundamentam a hierarquia.

Então, já conseguimos identificar um dos problemas, mas não é o único, é só mais um.

Liderança é uma característica, ou como preferem alguns, um dom, você nasce com ele, ou sem ele, como na maioria dos casos e não adianta que a criatura não aprende a ser líder, nem que se pague um coaching, é jogar dinheiro fora e fazer a criatura se sentir um líder só na frente do espelho.

A lei mais usada da liderança nas organizações hierarquizadas é: mudar as coisas é fundamental, mas mudar antes dos outros é criatividade pura ou plágio.


O líder sem o dom da liderança normalmente é o idiota em uma alta posição, representando um homem no alto de uma montanha, de onde todos os outros seres lhe parecem pequenos e, ele, no alto de sua montanha, parece pequeno para todas as demais criaturas.

O colaborador que tem um líder fajuto tem sempre dois grandes dilemas:

1 – não importa quanto se faça, nunca terá feito o suficiente e

2 – o que você não fez é muito mais importante do que o que você fez.

Com isso, fica claro que em uma organização hierarquizada a contrapartida por determinado trabalho varia na razão inversa da dificuldade, chatice e importância do trabalho.

O líder nato lidera pelo exemplo e não pela hierarquia, por isso o verdadeiro líder em uma corporação, na grande maioria das vezes, não ocupa o cume da montanha, mas tem como seguidores muitas formiguinhas trabalhadoras, enquanto as cigarras aproveitam o cume.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

FBI quer criar ferramenta para monitorar Facebook e Twitter

O FBI publicou um documento revelando que a agência de inteligência americana está interessada em monitorar redes sociais. De acordo com o registro, o FBI está procurando uma empresa interessada em desenvolver um sistema de monitoramento do Facebook, do Twitter e das demais redes sociais. Veja mais em...

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

A 1ª onda!

Atualmente só falamos em Projetos, Gestão, Ondas, Planejamento, porém não se fala mais em Pessoas. Parece que os resultados só dependem destas teorias "Divinas" criadas no mundo da Gestão Corporativa, mas posso lhes assegurar que não. Mas não pensem que sou contra estas teorias divinas, até porque as executei durante muito tempo e sei que elas são muito importantes desde que exista alguém capaz e muito motivado para executá-las.

Lembro de quando me joguei ao mercado de trabalho, pois a tecnologia era o meu mundo e para alcançar uma vaga em um mercado tão restrito (17 anos atrás), me submeti a trabalhos de várias naturezas. Nesta época, não se pronunciava a palavra Gestão mas se dava muita importância para os executores. As empresas tinham uma preocupação com o bem estar mas nem por isso os resultados eram deixados de lado. 

Fiz este comentário para refletirmos se este modelo de "Gestão Atual" + "A nova Geração Y,Z,..." não está transformando as empresas em "Locais de Trabalho Temporário"? Antes que pensem, poxa este maluco quer que as pessoas permaneçam 20 anos em uma empresa eu lhes digo: Não, pois sou convicto de que todos tempos prazo de validade, porém se encontrarmos um local que encaixe dentro de toda esta "Teoria Divina" o "Reter Talentos", teremos empresas e resultados melhores...


segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Novo conteúdo dos Posts

Pessoal, apesar do foco deste Blog estar diretamente ligado a área de T.I, a partir de hoje postarei crônicas sobre o cotidiano dos profissionais de T.I dentro das empresas. Muitas destas crônicas serão minhas experiências vividas em 17 anos junto a iniciativa privada. Certamente sempre que houver notícias relevantes sobre o mercado de T.I, publicaremos!

Keep Working!

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Grupo hacker afirma ter derrubado site do FBI

Em resposta ao fechamento do site de compartilhamento Megaupload, na quinta-feira, hackers afirmaram ter derrubado o site do FBI, a polícia federal americana. O FBI foi o responsável pela exclusão do Megaupload, acusado de violação dos direitos autorais.

Entretanto, por volta de 1h desta sexta-feira, o endereço já funcionava em normalidade. O grupo autointitulado Anonymous teria sido responsável também por ter tirado do ar sites do Departamento de Justiça dos Estados Unidos e de gravadoras.

Pelo Twitter, o grupo informou: "a internet contra-ataca". O Anonymous chegou ainda a ameaçar tornar inacessível o site da Casa Branca. Através do perfil @YourAnonNews, é possível identificar diversas postagens condenando os projetos de lei em avaliação no Congresso americano contra a pirataria.

Fonte: ZH

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Facebook passa Orkut e vira maior rede social do Brasil, diz pesquisa

O Facebook se tornou a maior rede social no Brasil, ultrapassando o Orkut, durante o mês de dezembro de 2011, segundo dados da comScore divulgados nesta terça-feira (17). Pesquisa da companhia mostrou que a rede fundada por Mark Zuckerberg atraiu 36,1 milhões de visitantes durante o período, superando os 34,4 milhões registrados pela rede social do Google.

Em 2011, o Ibope já havia encontrado resultado semelhante com dados de agosto. O estudo mostrou que, naquele mês, houve 30,9 milhões de usuários únicos para o Facebook contra 29 milhões para o Orkut.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Wikipedia interrompe acesso ao site em inglês por 24 horas em protesto contra lei antipirataria

A página na internet da Wikipedia em inglês ficará inacessível durante toda esta quarta-feira como protesto contra o projeto de lei antipirataria que está em avaliação no Congresso dos Estados Unidos, anunciou no próprio site a fundação que coordena a enciclopédia eletrônica.

A popular fonte de informação comunitária suspenderá as operações de suas versões em inglês por 24 horas em uma inédita medida que reforça a crescente chuva de críticas contra as polêmicas iniciativas denominadas Lei Contra a Pirataria na Internet (Sopa, em inglês) e Lei de Proteção à Propriedade Individual na Internet (Pipa, em inglês). A Wikipedia é considerada um dos sites mais populares da internet, com milhões de visitantes todos os dias.

"Se aprovada, esta lei prejudicará a internet livre e aberta, e trará novas ferramentas para a censura de portais internacionais nos Estados Unidos", disse a fundação Wikimedia no comunicado.

Os projetos legislativos têm como finalidade atacar a venda de produtos americanos piratas no Exterior. Os promotores incluem as indústrias de música e do cinema, cujos produtos são muitas vezes vendidos ilegalmente.

Eles consideram que a legislação é necessária para proteger a propriedade intelectual e os postos de trabalho. Já os críticos assinalam que as medidas podem causar prejuízos à indústria tecnológica e infringem o direito à liberdade de expressão.

Empresas de tecnologia como Google, Facebook, Yahoo, Twitter, eBay, AOL e outros têm argumentado contra a iniciativa e dizem que ameaça a subsistência da indústria.

A Wikipedia não é o primeiro site da web a anunciar planos para interromper o serviço, no entanto, se trata do mais conhecido. Reddit e Boing Boing, além de outros portais também possuem estratégias de suspensão de seus endereços.

Fonte: ZH

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Novo site do Google dá dicas de segurança e explica a web

Essa pessoa lhe parece familiar, pergunta o Google em seu mais recente post, logo antes de descrever alguém que pouco ou nada entende de tecnologia. "Ele não pode ser incomodado por um pedido de senha toda vez que está jogando Angry Birds. Quando precisa de uma senha, para seu e-mail ou para usar no site do banco, ele escolhe uma que seja fácil de lembrar como o nome da sua irmã e usa a mesma para cada site que visita. Para ele, os cookies vêm da padaria, os endereços IP são locais de Propriedade Intelectual e um resultado de pesquisa do Googole correto é basicamente mágica". A maioria conhece alguém assim, afirma o próprio Google, que está lançando nos Estados Unidos o site "Good to Know", algo como "É bom saber".

O "Good to Know", como o próprio Google explica, reafirma seu compromisso com a educação e em deixar a web mais segura e confortável. Usar os dois passos de verificação do Google, lembrar de bloquear o computador quando sair da frente e ter certeza de que suas conexões são seguras são algumas da dicas do novo site do Google. O que são cookies e endereços IPs também são explicados no Good to Know, disponível apenas em inglês. Para saber mais, acesse http://www.google.com/goodtoknow/.

Fonte: Terra

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Menina prodígio da Microsoft morre de infarto aos 16 anos

A jovem paquistanesa Arfa Karim Randhawa, que aos nove anos se tornou a mais jovem menina a ser aprovada no teste para certificação da Microsoft (o que a qualificou, na época, para atuar como uma das mais novas profissionais habilitadas a trabalhar com a tecnologia .NET no mundo), morreu neste sábado, aos 16 anos, após 26 dias hospitalizada em decorrência de um infarto na cidade de Lahore, no Paquistão, segundo a agência EFE.

Arfa nasceu na cidade de Faisalabad e começou a mexer com computadores aos seis anos. Em maio de 2005, na época da certificação, a menina explicou que estudou durante quatro meses para passar no teste. A adolescente estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde 22 de dezembro.

O pai de Arfa, um tenente-coronel aposentado, havia informado à imprensa que sua filha começava a dar sinais de "atividade cerebral", mas continuava em estado crítico. "Só um milagre fará minha filha sobreviver", lamentou em declaração à imprensa paquistanesa neste mês.

Visita à Microsoft

Em julho de 2005, a jovem realizou seu sonho e conheceu o fundador da Microsoft, Bill Gates, no campus da companhia em Redmond, nos Estados Unidos.
A jovem se interessou por tecnologia quando seu pai lhe comprou um computador, a princípio somente para e-mail. O encontro de Arfa com Gates foi parte de uma visita patrocinada pela Microsoft para apresentar melhor a menina à companhia, e para dar uma chance de os empregados conhecerem a garota. A semana incluiu tours pelos laboratórios e uma série de encontros informais com executivos, inclusive do grupo paquistanês.

A garota impressionou Gates com um poema que escreveu em homenagem ao ídolo, e com perguntas sobre o pequeno número de mulheres no campus. "Deveria ser equilibrado", explicou a menina. Outros assuntos discutidos foram a fé muçulmana e a sua cidade natal, conhecida como pólo de indústria têxtil. Arfa descreveu Bill Gates como "uma personalidade ideal", explicando que somente a viagem à Disneylândia foi melhor que o encontro com o poderoso da Microsoft.

Não ciente da informalidade da Microsoft, a menina se mostrou surpresa com o fato de Bill Gates não estar de terno. "Eu esperava todos de terno", disse Arfa.

S. Somasegar, vice-presidente corporativo da divisão de ferramentas da Microsoft, escreveu em seu blog que "O que ela quer fazer quando crescer é estudar em Harvard, trabalhar em uma empresa como a Microsoft e voltar para o Paquistão e trabalhar com inovações no campo de engenharia de satélites".

Fonte: Terra

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Como criar um facebook comercial

O contato direto com o publico-alvo e a clientela de uma empresa é fundamental para o sucesso dos negócios. 
Principalmente quando esse contato se dá através de uma rede social altamente movimentada. Neste tutorial, você vai aprender o passo a passo para criar um perfil comercial no Facebook.
Acesse o tutorial em...

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Google Social Search não agrada Twitter

O Google lançou mais uma novidade em seu buscador, trata-se do Google Social Search, que irá exibir resultados personalizados aos seus usuários, tudo de acordo com seus contatos em dois sites da empresa, o Picasa, muito utilizado no armazenamento e compartilhamento de fotos, e o Google+, sua nova rede social, que embora muitos digam estar fracassando, possui bons números.

Agora, além da tradicional busca, onde o internauta encontra links públicos, disponíveis a todos, estará a disposição uma busca personalizada e privada. Apertando um botão que fica no canto superior direito do site, o usuário pode alterar os resultados, que serão gerados de acordo com seus contatos nos sites anteriormente ditos. Embora nada de oficial tenha sido falado, é bem provável que o Picasa seja para a busca de imagens e o Plus para a de textos.

No entanto, nem tudo são flores, e essas mudanças já causaram revoltas na web, principalmente com os diretores do Twitter, rede social de microblog que pode ser a maior prejudicada. Tudo porque a partir de agora resultados de Twitter, Facebook e outras redes sociais não aparecerão mais nas buscas das pessoas, fato que acontecia principalmente no caso de pesquisas em tempo real.

No caso do Twitter, isso acontece desde o final do ano passado, quando o contrato de dois anos com a empresa de Mountain View se expirou e não foi renovado. A partir de agora, só posts e links de contatos do Google+ irão aparecer nas pesquisas personalizadas e em tempo real. Em comunicado oficial, o Twitter diz que o Google está “diminuindo a web”:

“Estamos preocupados com a possibilidade de que, como resultado das mudanças no Google, encontrar essas informações fique mais difícil para todos. Cremos que as mudanças são ruins para as pessoas, editores, organizações noticiosas e usuários do Twitter”.

Com isso, a tendência é que o Google+, rede social que vem crescendo, ganhe ainda mais força, pois terá ao seu lado um dos sites mais acessados em todo o mundo (quiçá o mais acessado). Se antes você tinha que integrar e autorizar sua “Conta Google” (Google Account) para ver resultados das redes sociais, que se tornaram a grande febre da internet, agora isso será automático, e a única opção é a desativação desse tipo de pesquisa, restando apenas o modo “tradicional”.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

China bate 500 mi de usuários da web e 300 mi de microblogs

O número de pessoas com acesso à internet na China chegou a 505 milhões no fim de novembro, anunciou o China Internet Network Information Center (CNNIC) nesta quarta-feira. A web agora tem uma taxa de penetração de 37,7% da população do gigante asiático, alta de 3,4% em relação ao fim de 2010.

Em países vizinhos tecnologicamente mais, como Japão e Coreia do Sul, o índice é de mais de 70% de penetração. No fim de novembro, os usuários de microblogs saltaram para 300 milhões, ante 195 milhões no fim de junho, concluiu o levantamento da CNNIC, de acordo com a agência chinesa de notícias Xinhua.

Em dezembro, o governo municipal de Pequim avisou que teria maior controle sobre os microblogs, que incomodaram as autoridades com sua rápida disseminação de notícias, e deu três meses para os usuários utilizarem seus nomes reais. A líder do mercado chinês de microblogs Sina e a Weibo estão trabalhando em um sistema de verificação das identidades dos usuários para se adequarem à nova regra.

Fonte: Reuters

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

YouTube quer aumentar audiência via novos aparelhos e canais

O YouTube quer aumentar a audiência de seu serviço online de vídeo ao oferecê-lo em uma série de novos aparelhos, e pelo acréscimo de conteúdo novo, de acordo com um importante executivo da subsidiária do Google. O próximo desafio para o popular serviço, que já registra 800 milhões de espectadores ao mês, é fazer do YouTube parte mais central na vida dos usuários, disse Robert Kyncl, vice-presidente de parcerias de conteúdo do YouTube.
"O que queremos é que os usuários passem mais tempo no YouTube", afirmou, em entrevista à Reuters, na Consumer Electronics Show (CES), em Las Vegas. Kyncl, que veio da rival online Netflix 18 meses atrás, visita a feira de eletrônicos a cada ano a fim de verificar os aparelhos conectáveis porque, quanto mais aparelhos com acesso à internet estiverem disponíveis, mais são as maneiras para os consumidores usarem o YouTube.
"Nós nos beneficiamos muito do que os fabricantes de bens eletrônicos de consumo fazem com seus aparelhos, ou seja, integrar acesso à internet", argumentou. "Isso nos permite atingir mais consumidores", concluiu.
De acordo com Kyncl, que fará uma palestra no evento quinta-feira, o YouTube já funciona em cerca de 350 milhões de aparelhos, o que inclui tablets, telefones e televisores. Os consumidores assistem a meio bilhão de vídeos do YouTube por dia com seus celulares, um índice de audiência que dobrou no prazo de um ano.
Kyncl se recusou a revelar o ritmo de crescimento previsto para 2012, afirmando apenas que seria rápido. "Erramos em nossas projeções do ano passado. Fomos conservadores demais", justificou. Sobre o cenário atual, avaliou que "não é só o YouTube. Há também a NetFlix e o Hulu. Seja em tablets, celulares ou televisores. A tendência continuará".
Ao contrário da Netflix, o YouTube depende da publicidade como fonte de receita. A empresa oferece serviço de locação de vídeos, mas em pequena escala. Kyncl não quis revelar se o YouTube planeja promover serviços de vídeo pagos. "Não digo que nunca, tudo é possível", afirmou, acrescentando que "no momento queremos colocar em prática os acordos firmados no ano passado".

Fonte: Reuters

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Mais da metade dos usuários de redes sociais corre risco de ser preso

Um estudo realizado pelo site knowthenet.org.uk aponta que mais da metade dos usuários de Internet correm risco de serem presos. As acusações poderiam ser várias, como violação de direitos autorais, invasão de privacidade, processos por comentários difamatórios e ofensivos ou até incitação de tumultos.

Redes sociais (Foto: Reprodução)
A pesquisa foi iniciada quando dois jovens foram presos na Inglaterra, no primeiro semestre de 2011, após tentativas de incitar um motim através do Facebook. A pesquisa foi feita com dois mil jovens ingleses entre 14 e 21 anos, e a grande maioria não sabia que as leis convencionais também se aplicavam a eles na web. Desses mesmos jovens, 67% se sentem à vontade para compartilhar conteúdo com direitos autorais na Internet, como filmes, músicas ou jogos.

Diversas pessoas utilizam a web como um meio social, mas algumas acabam extrapolando e ofendendo amigos ou pessoas que sequer conhecem. Porém, apenas 42% dos entrevistados declararam saber que difamação era um crime previsto por lei com graves punições caso fosse denunciado. O diretor do site que realizou a pesquisa, Phil Kingsland, diz que a intenção desse estudo é mostrar para os jovens o quanto eles precisam se informar mais para que saibam o que estão fazendo.

Fonte: Techtudo.com.br

sábado, 7 de janeiro de 2012

Receita tem novos softwares para declaração do Imposto de Renda

A Receita Federal desenvolveu dois programas para auxiliar as pessoas físicas residentes no Brasil envolvidas com atividades rurais e que tenham investimentos em moeda estrangeira a preencher a Declaração do Imposto de Renda em 2013 (ano-calendário 2012).

As instruções normativas com a aprovação dos programas foram publicadas hoje (4/1) no Diário Oficial da União. O primeiro programa, opcional, é o Livro-Caixa da Atividade Rural. O outro é o Ganhos de Capital em Moeda Estrangeiras.

Os dados apurados deverão ser armazenados e transferidos para a Declaração de Ajuste Anual do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física.

Os programas foram elaborados para serem utilizados em computadores com praticamente todos os sistemas operacionais. Ambos são de reprodução livre e ficarão disponíveis no site da Receita Federal.

*Com informações da Agência Brasil

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Produtor chinês continuará a fazer os bonecos de Steve Jobs

O executivo-chefe da chinesa In Icos, Tandy Cheung, garantiu em uma entrevista à emissora americana ABC News que sua empresa continuará a produzir os bonecos de Steve Jobs mesmo com a resistência da Apple.
"A Apple pode fazer o que quiser que eu não pararei. Já começamos a produção. Steve Jobs não é um ator, é só um famoso. Não há leis de direitos autorais para proteger pessoas normais. Steve Jobs não é um produto, portanto não acho que a Apple tenha direitos sobre ele", indicou Cheung, segundo informações da agência Efe.
A In Icons promete colocar no mercado, em fevereiro, bonecos articulados que imitam o fundador da Apple, inclusive em seu traje clássico: camisa preta, calças jeans e tênis. Com cabeça e corpo móveis, o boneco tem pares extras de mãos, para conseguir fazer as poses mais famosas do ex-CEO da companhia de Cupertino.
As encomendas já estão abertas no site da In Icons, a US$ 99,99 sem frente - com entrega no Brasil, o valor chega a US$ 129,99. Os envios começarão em fevereiro, segundo a fabricante do boneco.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Devolução de produtos comprados na internet no Natal atingirá recorde

Crescimento nas devoluções deve aumentar 8% nos Estados Unidos.

Boas vendas no período aumentam retorno de produtos, diz empresa.

Após as festas de fim de ano vem a ressaca para as varejistas: lidar com milhares de devoluções de produtos nesta primeira semana de janeiro.

Com o fim da temporada de Natal, quando houve vendas recordes no comércio eletrônico, as taxas de devolução devem atingir máximas históricas na terça-feira (3) para a United Parcel Service (UPS).

A companhia de entregas espera ter de gerenciar mais de 550 mil devoluções na terça-feira, um volume recorde, alta de quase 8% em relação a um ano antes. Vários outros dias durante a primeira semana de 2012 também terão mais de meio milhão de devoluções, disse a UPS.

"Esse definitivamente será o ano com mais devoluções", disse à Reuters o diretor de marketing da divisão de varejo e produtos de consumo da UPS, Ken Burkeen.

A boa notícia para as varejistas é que a maior parte do avanço é reflexo do crescimento explosivo no comércio eletrônico nessa temporada de fim de ano: as vendas nos Estados Unidos cresceram 15% entre 1º de novembro e 26 de dezembro, segundo a empresa comScore.

Burkeen disse que a UPS espera que a taxa de devolução avance 7,7 %, o que significa que a porcentagem de devoluções sobre as vendas totais recuou, apesar de regras mais favoráveis ao consumidor.

Grande parte desse resultado tem relação com a melhora dos websites, incluindo a capacidade de rotacionar a imagem de um produto em 360 graus.